quarta-feira, 2 de maio de 2012

Recordação... Eternização






Capa do livro:
São Luís / MA
 Aparecido Donizetti Hernandez
Itapevi / SP

Recordação... Eternização

Quero desligar-me da matéria e espírito.
Meu eu está abalado, crise existencial...
Foge-me a força de resistir...

Resisto, sofro... Cedo sofro
Qual caminho aqui?
Difícil decisão!
Oh! Homem porque preferes sempre
Os caminhos mais difíceis?

Vem vindo a hora de acabar,
O homem do sonho, da vida.
Senti uma fraqueza, sorrio de amorosa!

Vem uma revolta: Se sofro!?
Grande matéria sem recursos, desmantelada.
Porém permanece um desejo mole.
Talvez me assombra o arrependimento.
O homem-da-vida afirma... Não.

Mas o homem-do-sonho dá um uno: NÃO!
Quero desligar-me da matéria e espírito.
Meu eu está abalado, crise existencial...
Foge-me a força de resistir...

Resisto, sofro... Cedo sofro
Qual caminho aqui?
Difícil decisão!
Oh! Homem por que preferes sempre

Os caminhos mais difíceis?






Para comenta*9r ou enviar uma mensagem para o poeta, envie email para:
comentarioscbje@gmail.com
Informe
 seu nome, cidade, estado, nome deste autor e/ou título da poesia.



Nenhum comentário:

Postar um comentário